Início Natureza Pitões das Júnias, um encanto nas alturas

Pitões das Júnias, um encanto nas alturas

A 1200 metros de altitude, com as fragas e picos do Gerês a poente e noroeste, e o planalto da Mourela a nascente e nordeste, Pitões das Júnias é uma das aldeias mais visitadas do concelho de Montalegre.

0
Pitões das Júnias, um encanto nas alturas
Pitões das Júnias, um encanto nas alturas

Bem-vinda(o) ao “1001 Top Vídeos”! Os melhores vídeos de Portugal!

Pitões das Júnias, um encanto nas alturas Vídeo de: 360portugal | Fotografia e video aéreo, visitas virtuais 360º de Portugal

Pitões das Júnias

Pitões das Júnias é uma das aldeias mais visitadas do concelho de Montalegre.

A 1200 metros de altitude, com as fragas e picos do Gerês a poente e noroeste, e o planalto da Mourela a nascente e nordeste, Pitões das Júnias é uma das aldeias mais visitadas do concelho de Montalegre. Além da fauna e da flora riquíssima, oferece outros pretextos para um passeio, concentrados no percurso pedestre de quatro quilómetros – percorridos em cerca de 1h30 – entre o cemitério e o centro da aldeia. E perpetua tradições que não se encontram em mais nenhum local.

Mosteiro de Santa Maria das Júnias

É o estabelecimento cisterciense mais isolado, implantado num vale rodeado de cumes montanhosos, junto da fronteira com a Galiza. Para lá chegar, terá de ir a pé a partir da aldeia de Pitões das Júnias, mas a magia única do local compensa o esforço.

É difícil imaginar que abrigou uma vida monástica desde o séc. IX. A incorporação na Ordem de Cister ocorreu no séc. XIII, não se sabendo ao certo se a Casa-mãe seria Santa Maria do Bouro ou o Mosteiro de Santa Maria de Oseira, situado na Galiza, cujo brasão se vê no portal de acesso às dependências monásticas. O que resta do conjunto situa-se junto a um ribeiro.

O último monge de Cister tornou-se o pároco da aldeia de Pitões das Júnias, em 1834, data da extinção das Ordens Religiosas em Portugal.

Como curiosidade histórica refira-se que D. Pedro de Pitões, um dos principais impulsionadores da conquista de Lisboa aos mouros, no ano de 1147, foi ordenado bispo do Porto neste mosteiro.

[vc_raw_js]JTNDZGl2JTIwaWQlM0QlMjJmYi1jb21tZW50cy1kaXYlMjIlMjBjbGFzcyUzRCUyMmZiLWNvbW1lbnRzJTIyJTIwZGF0YS1ocmVmJTNEJTIyJTIyJTIwZGF0YS13aWR0aCUzRCUyMjY0MCUyMiUyMGRhdGEtbnVtcG9zdHMlM0QlMjIzJTIyJTIwZGF0YS1jb2xvcnNjaGVtZSUzRCUyMmxpZ2h0JTIyJTNFJTNDJTJGZGl2JTNFJTBBJTNDc2NyaXB0JTIwdHlwZSUzRCUyMnRleHQlMkZqYXZhc2NyaXB0JTIyJTNFZG9jdW1lbnQuZ2V0RWxlbWVudEJ5SWQlMjglMjJmYi1jb21tZW50cy1kaXYlMjIlMjkuc2V0QXR0cmlidXRlJTI4JTIyZGF0YS1ocmVmJTIyJTJDJTIwd2luZG93LmxvY2F0aW9uLmhyZWYlMjklM0IlM0MlMkZzY3JpcHQlM0U=[/vc_raw_js]

Mais vistos da semana

Mais recentes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.