Início Viagens e Lugares Ilha dos Amores, a ilha deserta do Douro

Ilha dos Amores, a ilha deserta do Douro

Sabia que existe uma Ilha deserta no Rio Douro? A Ilha dos Amores é um dos principais pontos turísticos de Castelo de Paiva. Não perca a sua história!

15354
0
PARTILHE

Bem-vinda(o) ao “1001 Top Vídeos”! Os melhores vídeos de Portugal!

Ilha dos Amores, a ilha deserta do Douro Vídeo de: Montanhas Mágicas

Ilha dos Amores do Rio Douro

Há uma Ilha dos Amores que não vem nos Lusíadas. E está bem ao nosso alcance. Para quem morar perto do Porto, nem uma hora de distância o separa daqui.

Quem vê a interseção do Rio Paiva com o Rio Douro notará de imediato uma pequena mancha no meio do azul da água.

Parece uma insólita bossa de terra, que se levanta por poucos metros de altitude – não mais de 30 -, e decorada com o arvoredo que lá conseguiu sobreviver a tamanha solidão. Curiosamente, neste mesmo ponto, separam-se três distritos – o do Porto, a norte, o de Viseu, a sudeste, e o de Aveiro, a sudoeste. Por uma nesga, a Ilha dos Amores fará parte do segundo.

Note-se que nem sempre se tratou de uma ilha no sentido mais restrito. Foi o desnivelamento das águas na construção da Barragem de Crestuma-Lever que a transformaram irremediavelmente em terra cercada por água. Porque antes, nos meses secos, conseguíamos seguir até ela por uma pequena língua de terra.

Mesmo quando essa nesga terrena não existia, esperava-se até ao areal vir quase à tona e somavam-se umas tábuas de madeira, traçando-se um tapete lenhoso para certos casais irem para lá namorar – daí uma explicação para o nome Ilha dos Amores, poiso onde hoje muitos casamentos locais seguem para tirar as fotos da praxe.

Atualmente, para lá se ir, só com canoa ou com a ajuda de algum barqueiro que por ali ande, com acesso feito pela Praia do Castelo, na margem esquerda do Rio Douro. Acaba por lhe dar um outro toque – é a sedução de todos os sítios que não são facilmente alcançáveis.

Mais vistos da semana

Mais recentes

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here