Início Viagens e Lugares Nas Salinas de Rio Maior há sal sem mar

Nas Salinas de Rio Maior há sal sem mar

Únicas no género a nível nacional e ainda em exploração, as Salinas de Rio Maior são um dos principais tesouros patrimoniais da região.

903
0
PARTILHE

Bem-vinda(o) ao “1001 Top Vídeos”! Os melhores vídeos de Portugal!

Nas Salinas de Rio Maior há sal sem mar Vídeo de: Portugal visto do Ceu

Nas Salinas de Rio Maior há sal sem mar

Únicas no género a nível nacional e ainda em exploração, as Salinas de Rio Maior são um dos principais tesouros patrimoniais da região.

Incluídas no Parque Natural da Serra de Aires e Candeeiros, deste antigo Poço das Marinhas do Sal, brota água salgada.

A Serra dos Candeeiros é, dada a sua natureza calcária, possuidora de inúmeras falhas na rocha o que faz com que as águas da chuva não fiquem à superfície, formando cursos de água subterrâneos.
Uma dessas correntes atravessa uma extensa e profunda jazida de sal-gema que alimenta o poço que se encontra no centro das Salinas, e de onde se extrai água sete vezes mais salgada que a do mar. O aproveitamento do sal-gema já seria feito desde a Pré-História.
Esta Jazida de sal-gema ocupa aproximadamente a área da Estremadura Portuguesa, entre Leiria e Torres Vedras, tendo-se formado há milhões de anos, depois do recuo do mar que outrora ocupou a região.

As Marinhas de Sal de Rio Maior, situam-se em pleno sopé da Serra dos Candeeiros, a trinta quilómetros do mar. Rodeadas de árvores e terras de cultivo, são como que uma minúscula aldeia de ruas de pedra e casas de madeira, com lojas de artesanato e produtos locais, um posto de informação e divulgação e instalações sanitárias.

Quem quiser aproveitar para ver o pleno funcionamento das salinas deve escolher a época mais seca (Maio a Outubro).

 

Mais vistos da semana

Mais recentes

DEIXE UMA RESPOSTA